sexta-feira, 22 de abril de 2005

É sexta-feira. Mas será dia 13?!

Tinha - e tenho - umas coisas atrasadas, por isso fiz serão até ás duas e meia.
Decidi que, atendendo às poucas horas de sono, e muitas de trabalho, começaria a trabalhar mais tarde. Mas acordei à hora de sempre. Sem despertador. Porque sim!

Lá me levantei. Estava a acabar de me arranjar e ouvi chamar. Pego no casaco e, com a pressa, toco numa jarra que o meu avô me tinha trazido de uma viagem à Alemanha.
Jarra no chão, e chão e tapete cheios de água e mil pedacinhos de cristal.

Quando tento tomar o pequeno almoço chamam-me porque a minha égua não parava de relinchar.
Lá vou eu a correr. Tiro-a para a rua com uma guia. Faço-a andar um bocadinho e parece-me bem. Entretanto, o meu pai pede-me um número de telefone. Digo-lhe que vou prender a égua e depois lhe levo o número. Diz-me que não, que a deixasse com a M. e a D. que ali estavam a encher vasinhos. Eu digo que não, que não é boa ideia, mas cedo.
Vou a casa e, quando volto, há grande agitação. Não sabem como foi, não tiveram a culpa, foi mesmo de repente mas, o facto é que a égua se tinha enrolado numa pata e estava muito ferida!
Telefono ao veterinário. Não está no país!
Lembro-me de uma amiga que tem um primo veterinário. Telefono-lhe e peço que diga ao primo para cá vir. Ele diz que sim, que vem já, e para manter a égua imobilizada.
Passado algum tempo vejo um jeep, abrandar, parar ao portão e... ir embora!
Era o veterinário que tinha visto um outro jeep, por sinal igual ao dele, ali parado, com um autolocante com o distintivo de veterinário, e foi embora furioso porque julgou que já lá estava outro.
Só que o tal jeep estava ali conduzido simplesmente pelo marido de uma veterinária!
Ao fim de algumas horas e tentativas de reconciliação lá veio e, parece que a coisa está resolvida.

Resolvido isto, passei pela adega principal porque precisava de umas análises que lá estavam. Depois de entrar tirei a tranca de trás da porta mas ela escapou-me da mão, deu umas voltas e foi bater num copo de provas que estava num balcão, que por sua vez bateu noutros como peças de dominó e partiram-se todos! Só 11!
Vou apanhar os vidros partidos, toco numa pipeta que cai no chão e parte-se também!

Vou para casa almoçar, depois de tão produtiva manhã, e para me despachar bebo um copo de leito e tiro uma taça enorme de salada de fruta (quase só de morangos), só que se tinham esquecido de por açúcar.
Depois de lá ter posto o açúcar vou comendo e andando de um lado para o outro, como se assim fosse mais rápido.
Vou da cozinha à casa de jantar e dali à sala e ao hall, e repiti isto várias vezes até que ouço o som do que me pareceu ser alguma coisa a partir-se. Corro à sala e deparo-me com o abajour de um candieiro partidinho no chão.

Saio para o escritório e, quando estou a fechar a porta de casa, toca o telemóvel. Era da loja de informática, que tinham ficado de arranjar o ecrã do meu portátil, para dizer que já tinham o orçamento para o arranjo: apenas 800 euros!
Mandei irem buscar o portátil assim mesmo!
Entregaram-me, liguei-o, pelo sim pelo não, e vi que estava na mesma, como seria de esperar.
Toco numa tecla qualquer, por acaso, que já nem sei qual foi e, de repente, ficou bom! Está como novo! Espero que seja o fim dos azares!
E agora vou fazer qualquer coisinha que já vão sendo horas...

18 comentários:

Clarinha disse...

Puxa!!! Só me resta desejar-te boa sorte para o resto do dia, fiquei exausta só de ler ... :)

um beijo

Xuinha Foguetão disse...

Isso aconteceu-te tudo hoje? E só de manhã?????
Fogo...
Realmente, parece sexta feira 13!
Espero que já tenham terminado e pela quantidade de azares q tiveste hoje tens direito a férias de azares por um longo período de tempo! :)
Espero que a égua fique boa!
Beijocas e um fds sem azares.
Xuinha

EP disse...

Desejo as melhoras da égua.
Quanto a resto, parecem ter sido apenas danos materiais.
Será um sinal para iniciares o fim-de-semana mais cedo?!
Beijinhos,
EP

ana disse...

SABES.... também adorava ter uma égua, mas devido à falta de espaço.... tenho um cão!!!!
Jinhos

Paula disse...

Ai menina!!!!!! Tu vai-te mas é meter na caminha, muito quieta, à espera que o dia acabe!!!!!!

Quanto à nossa conversa: já estive a ver umas coisas e acho eu tens de procurar a resposta dentro de ti!!! Eu sei que não é grande ajuda...

Temos de falar melhor, mas calculo que agora devas estar entretida a partir alguma coisa! ;o)))

Muitos beijinhos,
Paula Sofia

Ana disse...

Ufa espero que o azar tenha acabado... que dia! jokas e bom fim de semana

Roadrunner disse...

Bem, com um dia desses acho que o melhor é nao te mexeres muito e planear muito bem todos os passos que vais dar.

C_de_Ciranda disse...

Ó Margarida!! Por Deus, mulher! Que eles hoje andavam por aí, livra... Ao menos que não te magoaste. Olha lá.. fiquei preocupada, não fosse desmedida a minha paixão equestre. E a égua? Ficou bem? As patas podem ser muito problemáticas... Espero mesmo que sim. Que tudo não tenha passado de cortes superficiais.

Entretanto, o meu blog parece que se sumiu na blogosfera. Esperemos que seja temporário. Aquela janela branca e desprovida de conteúdos não me parece nada bem... Nada bem!

Beijinho muito grande, querida!

*** Ciranda

PS: Como se chama a bicha? E que raça é??

Anónimo disse...

Parece que ficaste j'a despachada em relacao 'a sexta-feira 13 que a'i vem (dia 13 de Maio)...ehheeh

Oumun disse...

Isso está mesmo mal..... Melhor sorte para o fim de semana e as melhoras para a égua
beijinhos

Sofia disse...

Há mesmo dias para esquecer... Mas se esse foi tão mau, o de amnhã só podderá ser melhor.
Abraço forte de uma amiga viturla, grávida e com dor de garganta :(
Sofia&Pirilampo

... disse...

Há dias assim...parecem filmes...cómicos?! se não fosse a pobrezita da tua égua... como é que ela está? As melhoras para ela.

Bjs da Mocas

PS: Sabes, tb gosto muito de cavalos e ainda montei para aí durante uns 10 anos...depois (por várias razões) desisti e nunca mais saltei para cima de um cavalo...mas às vezes ainda tenho saudades :)

Margarida Atheling disse...

A bicha é uma Puro Sangue Inglês.
Ágil e rápida como o vento. Mas um bocadito "cabeça no ar", e desastrada como a dona!
E está muito melhor, os cortes, apesar do aparato, eram mesmo muito superficiais.
Arrancou todo o pelo por baixo do curvilhão da pata direita e fez sangue mas agora está sequinho.
Ela está muitíssmo melhor e eu mais aliviada porque a adoro!
Bjs!

Suzana disse...

Menina!!!! Mas que dia, ou melhor que manhã tiveste!!!

Realmente bem podia ser Sexta 13.

Melhoras para a tua égua.

InêsN disse...

como as nossas vidas quotidianas podem ser tão diferentes...
:o)
beijinhos do diogo!

Patricia disse...

Margarida, nestes dias já sabes o qtens a fazer:atrasa o relógio!!! ;-) bjs mágicos das tuas priminhas

Angel disse...

Espero que esteja tudo bem agora...com a egua e o computador...rs

Obrigada pelas palavras de apoio Margarida...eu estou retornando a vida depois de tudo...afinal a vida continua, não?

bjos
Angel

C_de_Ciranda disse...

É lá!! Um puro sangue inglês? Bemmmmmmmmm... também quero... posso??
Ainda bem que tudo não passou de um susto, ainda que grande! Agora, o que eu quero saber é: quando é que posso fazer um "test drive" nessa puro sangue, hã? ;p

Beijos e cangochas, muitos :P

*** Ciranda


Ágil e rápida como o vento. Mas um bocadito "cabeça no ar", e desastrada como a dona!
É está muito melhor, os cortes, apesar do aparato, eram mesmo muito superficiais.
Arrancou todo o pelo por baixo do curvilhão da pata direita e fez sangue mas agora está sequinho.
Ela está muitíssmo melhor e eu mais aliviada porque a adoro!
Bjs!