segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Do fim-de-semana

Os meus lugares preferidos. Meus lugares, de facto. Ou, mais exactamente, lugares a que pertenço. Já não ia lá há mais de um ano.
E uma amiga que é uma verdadeira irmã.

E, ainda assim, um dos mais difíceis da minha vida. É o que há a contar.

12 comentários:

shu disse...

:o(

Anónimo disse...

Foi duro, pois foi...
Gosto muito de ti "mana"! :-)

Beijos

Catarina

Joanissima disse...

Às vezes, enfrentarmos os Espaços, é meio caminho andado para andarmos para a frente no Tempo.

Vale sempre a pena, querida, mesmo quando dói por dentro.

Um beijo grande. E uma festinha.

CGM disse...

Um beijinho

Rui disse...

Desbravar novos lugares a que pertencer. E enfrentar a descoberta.

NaRiZiNHo disse...

E contas muito: tens uma amiga que é uma Verdadeira irmã! Isso diz tudo!
:-*

mamã Xana disse...

Às vezes é preciso viver um dia de cada vez...
Beijinho

Ana disse...

Tudo parece melhor quando os verdadeiros amigos estao perto de nos.

Helena Mendes disse...

Por muito que algo nos tenha magoado, se gostarmos mesmo de alguma coisa, voltamos a fazê-la.

Beijinhos

daqui disse...

Deus dá o frio consoante os nossos cobertores, não é algo assim que dizerm? Pelo que percebo foi uma bofetada e uma festinha ao mesmo tempo, ou seja, apesar de tudo o teu equilíbrio continua a ser possível! beijinhos e força

Xuinha Foguetão disse...

Nada como um dia a seguir ao outro. ;)

Beijos grandes

Dani disse...

Momentos teus. Nada a dizer.

Beijinhos