quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Procura

Passo metade do tempo a tentar libertar-me das rotinas, dos sítios, das coisas, das tarefas, do que está instituído. Isto para me encontrar.
Passo outra metade a tentar estabelecer rotinas, habituar-me a sítios, automatizar tarefas e instituir hábitos. Isto para tentar encontrar-me.

2 comentários:

Ana disse...

rotinas por vezes são boas mas de vez em quando é preciso quebrar as rotinas :)

tom disse...

andamos todos a fazer o mesmo... parece...